FALTA DO QUE FAZER: Deputado quer proibir cobrança de pizza mista pelo sabor mais caro

Em homenagem ao Dia da Pizza, o deputado estadual Jutay Meneses anunciou hoje (10) que apresentou projeto de lei à Assembleia Legislativa da Paraíba com o objetivo de proibir a cobrança de pizzas mistas pelo sabor mais caro.

De acordo com nota da Assessoria de Imprensa do parlamentar, em 2018 o consumidor paraibano deverá comemorar o Dia da Pizza “tendo seus direitos respeitados por meio de Lei”, graças ao projeto de lei 1433/2017 de Jutay, “que torna obrigatória a cobrança do valor da média aritmética dos sabores para as pizzas mistas”.

A proposta do deputado prevê multas no valor de 100 Unidades Fiscais do Estado da Paraíba (UFR-PB) ao estabelecimento que descumprir a ‘Lei da Pizza’ que vier a ser aprovada pela Assembleia.

Pelo valor atual da Ufir estadual, R$ 46,89, a pizzaria pagaria R$ 4,6 mil por infração, ou seja, dinheiro suficiente para pagar no mínimo 100 pizzas médias, tamanho a partir do qual restaurantes e lanchonetes do ramo oferecem a clientela a possibilidade de dois ou mais sabores.

A informação sobre a proposta de Jutaty, divulgada na tarde desta segunda-feira na CBN João Pessoa, provocou reação imediata de ouvintes surpresos com o que um deles chamou de “evidente falta do que fazer ou propor”. Outro elogiou a oportunidade do projeto. “Nada simboliza melhor a nossa classe política do que uma pizza”, justificou.

Um terceiro ouvinte considerou insuficiente o valor da multa para os padrões dos negócios que, segundo ele, seriam fechados nas casas legislativas em geral. “As pizzas dos nossos políticos valem milhões (de reais)”, disse.

Rubens Nóbrega

Comentar com Facebook

Comentários

COMPARTILHAR