Insistência de Romero pode fazer Cássio desistir da reeleição ao Senado

Será que o prefeito Romero Rodrigues está disposto a carregar dois grandes pesos na consciência? O primeiro é de entregar a prefeitura de Campina Grande para a família Ribeiro. Campina é o berço do grupo Cunha Lima, e todos sabem que fazer política no poder é uma coisa, fora do poder é outra totalmente diferente.

Os anos de 2009 e 2010 não trazem saudades aos caciques do grupo.

O segundo peso na consciência seria a desistência da reeleição do senador Cássio Cunha Lima, favorito a conquistar uma das duas vagas em 2018. Cássio admitiu a possibilidade de não disputar as eleições em benefício de uma possível candidatura de Romero e em prol da unidade da aliança das oposições.

“Já tenho 30 anos de mandato, uma folha de serviços prestados a Campina Grande, a Paraíba. Me sinto realizado como homem público, eu posso simplesmente não disputar uma eleição momentaneamente, suspender a minha atividade na vida pública para que não apenas o PSDB, mas Campina Grande e a Paraíba possam ter a candidatura de Romero”, explicou Cássio em entrevista ao programa Correio Debate.

A fala de Cássio demonstra desprendimento com o poder, mas esconde sua decepção. Pois nenhum político quer abandonar um mandato de senador da República quando ainda está no auge da carreira. Ainda mais no caso do senador Cássio, que de 2011 pra cá vem se consolidando no cenário nacional e mostrando a força do Nordeste.

Eu acho que Romero não aguenta todo esse peso…

Comentar com Facebook

Comentários


COMPARTILHAR