Prefeito assina início da licitação para construção do Terminal do Valentina, atendendo proposição de vereadores

Na tarde desta sexta-feira (14), o presidente da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), Marcos Vinícius (PSDB) e os vereadores Dinho (PMN) e Milanez Neto (PTB), líder do Governo, participaram da assinatura do documento para início do processo de licitação para construção do novo terminal de integração na “área do Campo da Marquise”, no Bairro do Valentina Figueiredo. Essa era uma reivindicação antiga dos vereadores Marcos e Dinho, da vereadora Eliza Virgínia (PP), além do suplente de vereador Marmuthe Cavalcanti (PSD).

Ressaltando a importância da obra, Marcos Vinícius destacou o empenho dos colegas vereadores para que esta obra se tornasse uma realidade e elogiou o prefeito Luciano Cartaxo que, segundo ele, sempre soube ouvir a população e os vereadores. “Fiquei muito feliz, bem como os vereadores Dinho, Marmuthe e Eliza, pelo fato de o prefeito realizar esta obra que beneficia esta verdadeira ‘cidade’ que é o Valentina de Figueiredo”, avaliou o presidente da CMJP. “Cartaxo é um prefeito comprometido com a melhoria da qualidade de vida da população e ele sabe o quanto este terminal vai impactar a vida das pessoas, trazendo conforto e praticidade para que utiliza os transportes públicos no Valentina”, completou.

A construção do terminal era uma antiga solicitação dos vereadores: Marcos Vinícius (PSDB), Dinho (PMN), e Eliza Virgínia (PP), além do suplente de vereador Marmuthe Cavalcanti (PSD).

O vereador Dinho falou da satisfação em ver os resultados advindos das Emendas Impositivas que foram encaminhadas à peça orçamentária da Capital. “Temos que reconhecer que através do Orçamento Impositivo alocamos recursos para que essa obra seja concretizada. Um terminal tão importante para o bairro do Valentina. É um reconhecimento do Executivo ao bairro entregando este grande equipamento que vai possibilitar mais transporte digno à população” disse.

O prefeito Luciano Cartaxo destacou que a obra é necessária para mobilidade urbana de um bairro tão importante para Capital paraibana. “Este é um projeto audacioso que vai melhorar o transporte coletivo e consequentemente a qualidade de vida dessa população. Este terminal de integração é fundamental para os moradores da Zona Sul, de um modo geral para toda cidade. Vamos conservar o campo que existe e melhorar sua estrutura com gramado e equipamentos para atividades esportivas. Teremos um espaço de convivência para toda comunidade, além da melhoria na mobilidade urbana”, destacou.

O representante do ‘Movimento Mobilidade Urbana Já’, Henrique Paulino falou da satisfação de ver o início do processo de licitação que fortalecia a esperança de ver a obra concretizada. “Este é um momento de muita alegria e esperamos que em breve a obra esteja pronta que vai integra as 17 comunidades que formam o Valentina, melhorando o deslocamento de todos da região”.

O gestor da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob), Adalberto Alves de Araújo Filho comentou que a comunidade estava obtendo uma grande conquista. “A prefeitura fez um grande esforço para construir este terminal que vai melhorar o transporte público da localidade. Estamos celebrando a assinatura da ordem de licitação para concretizar esta obra que vai trazer serviço de melhor qualidade para a população do Valentina”, afirmou.

Câmara abriu as portas para moradores

Em agosto de 2017, os vereadores receberam integrantes do Grupo Comunitário de Mobilidade Urbana do Valentina e lideranças do bairro, que solicitaram apoio da Câmara para que a obra pudesse ser realizada. Já em setembro, o parlamentares discutiram com a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) do Município, os detalhes do projeto.

Em outubro do mesmo ano, os parlamentares municipais apresentaram ao prefeito Luciano Cartaxo (PV), em audiência no Centro Administrativo Municipal com a presença da população, técnicos da Semob e empresários, um esboço de projeto para o terminal.

Em maio de 2018 foi realizada uma reunião para apresentação do projeto com a participação de diretores da Semob, representantes dos consórcios do transporte coletivo urbano Unitrans e Navegantes.

Comentar com Facebook

Comentários