PSDB DEVE VOTAR QUASE EM BLOCO PELA ACEITAÇÃO DE DENÚNCIA CONTRA TEMER NA CCJ

O PSDB, principal partido da base de sustentação do governo, deverá votar praticamente em bloco pela aceitação de denúncia de corrupção passiva contra Michel Temer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara. O PSDB possui sete membros na CCJ e a expectativa é que no máximo dois parlamentares votem de forma favorável a Temer, rejeitando a denúncia contra o peemedebista

O único voto certo em defesa de Temer é o do deputado Paulo Abi-Ackel (MG), que vem se manifestado reiteradamente em defesa do governo Michel Temer. O líder do PSDB na Câmara; deputado Ricardo Tripoli (SP), afirmou que alguns membros manifestarem interesse em serem substituídos nas CCJ, mas que ele rejeitou a possibilidade.

“Não tem sentido fazer qualquer substituição na CCJ. O partido escolheu seus integrantes lá atrás e estão todos fazendo um bom trabalho. Não vejo sentido em trocar por conveniência. Cada um votará de acordo com sua consciência”, justificou.

Brasil247

Comentar com Facebook

Comentários


COMPARTILHAR