VERGONHA: Vereadora França e Jeferson Kita votam pelo arquivamento da cassação de Berg Lima

Gravem bem estes nomes; Jeferson Kita e França, pois em 2020 eles vão bater na porta dos moradores de Bayeux pedindo seu voto novamente. Ambos votaram pelo arquivamento do processo de cassação de Berg Lima. Jeferson Kita e França entendem que é normal um prefeito extorquir um fornecedor, ser preso em flagrante, passar 5 meses na cadeia e voltar a ser prefeito para continuar “administrando” milhões por mês.

O relatório inocentando Berg Lima foi da vereadora França, que certamente não entende o que significa ética e moralidade, ou entende, mas prefere ser benevolente com o maior flagrante de corrupção da história da Paraíba. Para os nobres vereadores, a Justiça, o Ministério Público e a Polícia Civil estão todos errados.

Em tempos de Lava-Jato, onde o Brasil começa a ser passado a limpo, um relatório contra a cassação de Berg Lima é um verdadeiro tapa na cara da população de Bayeux, que viu o nome da cidade virar manchete nacional por conta da ganância daquele que um dia foi a esperança de mais de 30 mil eleitores.

O dever mínimo de um parlamentar é fiscalizar o executivo, mas França e Jeferson preferiram passar a mão na cabeça do corrupto mais famoso da Paraíba. Ambos devem aproveitar o resto do mandato que ainda têm, pois em 2020 o povo dará o troco.

Agora o relatório será votado no plenário da Câmara Municipal, na próxima sexta-feira. Será que mais algum vereador vai se suicidar politicamento por Berg Lima?

Comentar com Facebook

Comentários

COMPARTILHAR