VÍDEO: 4 anos após quebrar urna de votação na ALPB, Tião Gomes é eleito presidente do Conselho de “Ética e Decoro”

Parece piada, mas o novo presidente do Conselho de Ética da Assembleia Legislativa não tem lá muita ética. Em 2015, Tião Gomes quebrou o sistema de votação no dia da eleição para presidente da Casa:

Antes da votação que elegeu Adriano Galdino, agora em 2019, Tião deu uma declaração polêmica: “Eu sou terrorista, sou guerreiro, eu nasci em Pombal, mas deveria ter nascido no Líbano, ninguém manda nos meus pensamentos. ”

E ao ser perguntado se quebraria a urna novamente, o deputado respondeu: Se tiver eu quebro!

O Conselho de Ética está em boas mãos…

Comentar com Facebook

Comentários