ELEIÇÕES 2020: Leo Micena deve desistir da pré-candidatura para apoiar Kita

Fontes informaram ao Polítika que o pré-candidato a prefeito de Bayeux, Leo Micena, PV, deverá desistir da sua pré-candidatura para apoiar o prefeito interino Jeferson Kita.

Semanas atrás, Kita e Expedito tinham declarado apoio a Leo, mas no acordo, caso assumisse a gestão, Leo passaria a apoiar Kita. O Blog tentou por três vezes contato com Leo Micena, mas sem sucesso.

“Seria muito egoísmo se Leo não apoiasse Kita. Ele precisa retribuir o gesto”, disse uma das fontes.

Pedro Cunha Lima segue no mesmo erro do pai

Preso na Operação Calvário, Ricardo Coutinho está com os dias contados na fundação João Mangabeira

O blog foi informado que o ex-governador Ricardo Coutinho fez um acordo com a direção nacional do PSB para deixar o mandato da Fundação João Mangabeira em dezembro, antes do seu termino de 3 anos. Assim, RC não vai passar pelo constrangimento de ser expulso da Presidência.

O PSB é o único partido do Brasil a ter um presidente de Fundação que foi preso por corrupção e utiliza tornozeleira eletrônica como medida cautelar. Um péssimo exemplo em tempos de combate à corrupção. Os adversários do PSB lembrarão disto nas disputas eleitorais das grandes cidades:

Pedro Cunha Lima segue no mesmo erro do pai

 

Operação Proteção, em Mangabeira, realiza 382 testes de Covid-19 e 69 pessoas atestam positivo

Mangabeira registrou 69 novos casos de Covid-19 na manhã desta sexta-feira (29), no último dia da Operação Proteção, realizada pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), com o objetivo de melhorar a baixa taxa de isolamento social do bairro e combater a disseminação do Coronavírus. Outros 313 casos foram descartados, num total de 382 testes realizados. A ação permanece durante todo dia com a realização de ações de limpeza, higienização e fiscalização do comércio.

Os testes rápidos para Covid-19 aplicados nesta sexta-feira (29) foram realizados em dois pontos onde foram montadas barreiras sanitárias. Na Avenida Josefa Taveira, dos 224 testes, 42 deram positivo e 182 foram descartados. Já na Rua Luiz Alberto Moreira Coutinho, dos 158 testes, 27 deram positivo, enquanto 131 foram descartados. A testagem da população faz parte de uma das medidas mais seguras – já comprovadas em vários países que controlaram a disseminação do Coronavírus – e permite construir o real cenário da pandemia na Capital, além de viabilizar medidas mais enérgicas de isolamento das pessoas contaminadas.

É o que mostra, por exemplo, a evolução do registro de casos positivos confirmados durante os três dias de Operação Proteção em Mangabeira, entre quarta-feira (27) e esta sexta-feira (29). No primeiro dia, quando foram realizados 250 testes, o resultado foi de 23 positivos. No segundo dia, dos 330 testes, 55 foram positivos. O dado mais recente, desta sexta-feira (29), comprova a evolução dos casos em relação à quantidade de testes. Dos 382 testes, 69 foram positivos. O balanço geral de toda ação em Mangabeira foi de 962 testes, 147 casos positivos e 633 descartados.

Todo esse procedimento é feito pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que envolve a verificação da temperatura dos moradores e, em caso de alteração, o teste é aplicado no local, liberando o resultado em poucos minutos. Uma vez confirmado para Covid-19, a pessoa recebe todas as orientações e é encaminhada com prioridade para uma Unidade de Saúde da Família do bairro.

A Operação Proteção é realizada numa ação conjunta das secretarias de Saúde, Desenvolvimento Urbano, Mobilidade Urbana, Desenvolvimento Social, Meio Ambiente, Segurança Urbana e Cidadania, junto com o apoio do Procon-JP e da Defesa Civil.