Ricardo Barbosa, o federal de João Azevedo?

O que era apenas especulação começa a ganhar corpo e forma. Ricardo Barbosa vai mesmo disputar uma vaga na Câmara Federal e já está ‘trocando’ suas bases com deputados estaduais, cooptando prefeituras importantes para seu projeto em 2022.

Barbosa trabalha para ser o candidato de João Azevedo, ou seja, o candidato da máquina, contando assim com as ‘facilidades’ do executivo estadual.  O problema é que já tem gente na fila, a exemplo de Nonato Bandeira, que disputou uma vaga na Câmara em 2018; e Adriano Galdino, presidente da ALPB.

Uma coisa é certa – antes considerado um pé frio em eleições – Ricardo Barbosa aprendeu a conquistar votos.

Ruy cobra reabertura imediata do Congresso por causa da pandemia

Com o agravamento da pandemia no Brasil e a situação de calamidade em Manaus, o deputado paraibano Ruy Carneiro defendeu a imediata suspensão do recesso parlamentar da Câmara Federal e do Senado, cujas atividades seriam retomadas apenas em fevereiro.

Além do elevado número de casos de covid-19, da nova onda de mortes e da falta de infraestrutura adequada para cuidar das pessoas em diversas regiões do país, Ruy lembra que há questões urgentes para tratar com agilidade, como o fim do auxílio emergencial, que precisa ser retomado, e a definição de um calendário efetivo de vacinação no Brasil.

“Estamos vivendo um dos momentos mais críticos e graves da pandemia no Brasil e o Congresso Nacional não pode se omitir nem estar de férias numa hora como estas. É preciso retomar os trabalhos em caráter extraordinário”, disse Ruy, que já assinou o requerimento de convocação do Congresso apresentado pelo senador Alessandro Vieira.

Ruy fez ainda uma defesa veemente de que a reabertura do Legislativo deve ocorrer sem despesas extraordinárias: “A situação do país é muito crítica e é preciso mais trabalho com austeridade e apoio às pessoas”, acrescentou.

Governador atende pedido de Efraim Filho e Santa Luzia receberá pavimentação asfáltica

O deputado federal Efraim Filho teve audiência hoje pela manhã com o Governador da Paraíba, João Azevedo, quando na oportunidade discutiu várias questões para a Paraíba e para o município de Santa Luzia. O deputado anunciou a obra de pavimentação asfáltica para as principais ruas da cidade, uma obra de modernização e mobilidade urbana.

“Excelente notícia para Santa Luzia, em audiência com o governador João Azevedo nesta segunda feira, ele acolhe o nosso pedido pela pavimentação asfáltica da travessia urbana de Santa Luzia, num total de 1,6 Km e anuncia logo mais no programa Fala Governador. Obra essencial para melhorar o trânsito, a mobilidade urbana e o fluxo comercial nas principais avenidas da cidade. Nosso compromisso é com o povo. Obrigado Governador”. Disse Efraim Filho.

Ex-presidente do STF defende impeachment de Bolsonaro

O Brasil terá que afastar Jair Bolsonaro para defender sua ordem constitucional. A opinião é do ex-ministro Carlos Ayres Britto, do Supremo Tribunal Federal. “O governante central é assim, tem o pé atrás com essa Constituição, consciente ou inconscientemente. Quanto ao impeachment, essa mais severa sanção tem explicação. Somente se aplica àquele presidente que adota como estilo um ódio governamental de ser, uma incompatibilidade com a Constituição. É um mandato de costas para a Constituição, se torna uma ameaça a ela. E aí o país se vê numa encruzilhada. A nação diz, ‘olha, ou a Constituição ou o presidente’. E a opção só pode ser pela Constituição”, disse ele, em entrevista a Anna Virginia Ballousier, publicada na Folha de S. Paulo.

Ayres Britto diz que o conjunto da obra sinaliza o cometimento de crime de responsabilidade. “Pelo artigo 78, o presidente assume o compromisso de observar as leis, promover o bem geral do povo brasileiro. Ou seja, não é representante dos que votaram nele, dos ideólogos que pensam igual a ele. É de todo o povo. Menos incontinência verbal e mais continência à Constituição. A sociedade civil vai entendendo que regime democrático é para impedir que um governante subjetivamente autoritário possa emplacar um governo objetivamente autoritário. Se o presidente não adota políticas de promoção da saúde, segmentos expressivos da sociedade —a imprensa à frente— passam a adverti-lo de que saúde é direito constitucional. Prioridades na Constituição não estão sendo observadas: demarcação de terra indígena, meio ambiente”, afirma.

Cícero Lucena visita Procon-JP e anuncia melhoria de instalações para atendimento eficiente e humanizado

O prefeito Cícero Lucena visitou, na manhã desta segunda-feira (18), o Procon-JP. Na ocasião, o gestor destacou a necessidade de rever a estrutura do órgão e promover um atendimento moderno e humanizado. A visita faz parte do calendário de reconhecimento da estrutura pública municipal.

Em visita à sede do Procon, Cícero anuncia que espaço passará por melhorias “Nossa proposta é ir até os órgãos da Prefeitura pra identificar problemas e, juntos, construirmos soluções. O Procon é um órgão importante por defender o direito do consumidor, mas precisamos cuidar primeiro dele, de suas instalações e das condições de trabalho para que os servidores estejam aptos a atender bem a população”, afirmou.

O gestor esteve acompanhado do secretário executivo do órgão, o advogado Rogger Guerra, e apontou a linha de trabalho para o setor. “Queremos um Procon moderno, eficiente e com atendimento humanizado”, reforçou o gestor. Estiveram presentes o vice-prefeito, Leo Bezerra, o secretário adjunto do Procon-JP, Jair Pires Júnior, e o secretário municipal da Comunicação, Marcos Vinícius.