VÍDEO: Efraim é destaque na imprensa nacional e critica projeto que permitiria ao presidente assumir o comando das polícias civis e militares

De forma sensata e lúcida, o deputado federal Efraim Filho foi destaque na imprensa nacional ao criticar o Projeto de Lei 1.074, que visa alterar a legislação sobre o funcionamento das polícias no combate à pandemias e outras crises. A proposta do deputado bolsonarista Vitor Hugo aumentaria os poderes do presidente da República ao incluir a pandemia entre as situações das quais pode-se decretar Mobilização Nacional.

“A relação entre os poderes deve ser mantida em harmonia, de forma independente, e com equilíbrio de força e de poderes. Acho que o projeto, por esse motivo, não recebeu a adesão do colégio de líderes, e não vejo chance dele ser pautado esta semana, sequer nas seguintes”, disse Efraim em entrevista ao SBT Brasil.

A aprovação do projeto da mobilização nacional permitiria que Bolsonaro assumisse imediatamente o comando de todos os servidores civis e militares, e até convocar quem não é servidor.

 

Prefeito de Pitimbu morre vítima de Covid-19

O prefeito de Pitimbu, Jorge Luiz, conhecido como Jorge do Povão, faleceu na noite desta quarta-feira (31), vítima da Covid-19.

O prefeito estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, em tratamento devido à complicações da Covid-19.

O prefeito foi internado no último domingo (28), após o agravamento dos sintomas. Doze dias antes, ele testou positivo e tentou se recuperar em sua residência, onde cumpriu isolamento.

Macron decreta novo lockdown duro na França

Em pronunciamento na televisão em cadeia nacional, o presidente Emannuel Macron anunciou que a França entrará integralmente em novo lockdown duro a partir do próximo sábado, dia 3 de abril, até 2 de maio. Quatro semanas no total. Medidas restritivas implementadas em 19 departamentos serão agora aplicadas ao país todo, como o fechamento do comércio e de serviços não essenciais e a proibição de as pessoas circularem para além de 10 quilômetros do lugar onde moram.

Ele afirmou que, por causa das variantes do vírus, mais transmissíveis e mortíferas, hoje há uma “epidemia dentro da epidemia” que fez o número de casos dispararem desde o início de março, e que as medidas tomadas até agora foram incapazes de conter a propagação da Covid no país. Mais de 30 mil testes positivos são registrados por dia.

Macron também anunciou que o número de leitos de UTI subirá para 10.000, contra os 7.000 de hoje. O presidente francês prometeu acelerar a vacinação, por meio de 1.700 centros de imunização. A vacinação para maiores de 50 anos deve começar em 15 de maio. Macron quer imunizar todos os cidadãos com mais de 18 anos até o final do verão no Hemisfério Norte.

Comprar iPhone com dinheiro público para vereadores é o mesmo que sustentá-los de roupas e calçados

A compra de iphones e planos de internet pela Câmara de João Pessoa, no valor de meio milhão de reais, tem causado indignação na sociedade. E por vários motivos, mas o principal, é que celular já virou um item essencial em nosso cotidiano. Ou seja, todo pessoa tem, principalmente os vereadores que recebem um salário de R$ 15 mil.

Se o presidente da Câmara, Dinho, entender o cerne da questão e agir com sensatez, irá recuar desta compra absurda.

Romero comenta sobre candidatura de Ronaldinho para deputado estadual

Em contato com o blog, o ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, comentou sobre a possível candidatura de Ronaldo Cunha Lima Filho a deputado estadual. Segundo Romero, Ronaldinho é um bom nome para a ALPB e tem potencial:

“É um cara extremamente inteligente e foi fundamental no meu primeiro mandato como prefeito. Vai disputar a eleição como favorito, principalmente em Campina Grande, e tem potencial para representar a Paraíba no parlamento”.

Se depender da empolgação de Romero, Ronaldinho já ganhou um cabo eleitoral. Em 2012, Ronaldo Cunha Lima foi eleito vice-prefeito de Campina Grande na chapa do PSDB.

Governador anuncia habilitação gratuita para motoboys que trabalham com delivery

O governador João Azevêdo anunciou, nesta terça-feira (30), o lançamento do programa Habilitação Social gratuita para motoboys que trabalham com serviços de delivery e não têm condições financeiras de custear as taxas da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), garantindo tranquilidade aos profissionais que passarão a atender as normas de trânsito. A ação do Governo da Paraíba ficará sob a coordenação da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano (Sedh).

Na ocasião, o chefe do Executivo estadual explicou que irá publicar um novo decreto para regulamentar o programa Habilitação Social com a inclusão da categoria dos motoboys. “Nesse momento de pandemia, temos uma categoria que tem sido extremamente importante no atendimento à população nesse período de medidas protetivas em curso. Os motoboys poderão tirar sua primeira habilitação sem custo algum, pois eles utilizam a moto como instrumento de trabalho e queremos proteger esse segmento”, disse.

O secretário de Estado do Desenvolvimento Humano, Tibério Limeira, destacou o impacto social da iniciativa anunciada hoje pelo governador. “A partir do nosso diálogo e do reconhecimento do governador à importância dessa ação para os motoboys que trabalham com entregas e têm prestado um serviço relevante e essencial durante a pandemia e que poderão exercer sua profissão de forma regular. Diante dessa sensibilidade, generosidade e olhar acolhedor do governo, iremos lançar essas ações na próxima semana”, frisou.

Prefeitura de Campina Grande vai elaborar plano de ação para garantir assistência aos artistas circenses

Por recomendação do prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, a comunidade artística do Circo Camaro recebeu na manhã desta terça-feira, 30, representantes Secretarias Municipais de Cultura (Secult) e da Assistência Social (Semas). Eles foram ao local para conhecer as demandas da categoria e discutir soluções para esses artistas que estão com suas atividades suspensas, desde o início do ano passado, devido às medidas restritivas necessárias ao combate da covid-19. Instalado no bairro das Malvinas, o Circo Camaro reúne dezenas de artistas e seus familiares.

Na ocasião, foram analisaram as demandas daquele espaço cultural e sugeridas soluções para os artistas. Também foram doadas cestas básicas e 20 kits de máscaras para cada artista circense.

A secretária municipal de Cultura, Giseli Sampaio, ressaltou que a Prefeitura de Campina Grande tem trabalhado para suprir as demandas da classe artística campinense. A Secult também está em articulação para a elaboração de um plano de ação, em que seja permitido realizar atividades de forma híbrida ou on-line, construindo uma prospecção de atividades para estes artistas.

“Estamos acompanhando a situação de todos os artistas de Campina Grande e agora, em especial, dos artistas circenses. A situação é conflitante para os artistas neste período pandêmico, pois, foi a primeira categoria a paralisar suas atividades e estão sem previsão de retorno”, explicou.

Giseli destacou que a visita ao Circo Camaro, que atualmente é o maior circo situado em Campina Grande, está entre as medidas adotadas pela gestão Bruno Cunha Lima. Além do Camaro, outros sete circos foram localizados na cidade desde o ano passado.

“A Prefeitura de Campina Grande está criando um plano de ação de contingência para atender a demanda desses artistas. Nos apropriamos das suas principais necessidades e a Secult, em parceria com a Semas e outras secretarias municipais, está acompanhando, diuturnamente, as necessidades emergenciais desses artistas”, declarou Giseli Sampaio.

A secretária interina da Assistência Social de Campina Grande, Joelma Martins, afirmou que a Semas vem executando medidas de caráter social nos equipamentos circenses da cidade, prestando auxílio para esses artistas.

“Nós já estamos prestando uma atenção especial neste circo. São 35 pessoas que estão recebendo assistência para garantir segurança alimentar e nutricional. A Semas também enviará enxovais para as gestantes que moram nesse circo. E não apenas nesse circo, mas em todos os espaços circenses que estão situados na cidade e que já estão recebendo nossa atenção e assistência.”, afirmou Joelma.

Proteção
“Nós estamos nos sentindo protegidos. Quando chega uma ação dessas aqui, nós nos sentimos acolhidos”, afirmou Poliana Cristina que é administradora do Circo Camaro. Poliana destacou as ações efetivas da gestão do prefeito Bruno Cunha Lima, em benefício da classe artística, em especial, para os artistas circenses da cidade.

A administradora do circo recebeu os representantes da Prefeitura Municipal, apresentou as atuais necessidades da categoria e agradeceu o empenho da gestão municipal. A situação dos artistas do Circo Camaro ficaram mais conhecidas após o humorista Dedé Santana divulgar, em suas redes sociais, as dificuldades enfrentadas por essa classe artística em função das restrições necessárias para conter o avanço da Covid-19.

Lei Aldir Blanc
Entre as medidas estabelecidas em benefício ao artista circense, no âmbito dos contemplados pela Lei Aldir Blanc, estão a contribuição no valor de aproximadamente R$10 mil em verba de auxílio emergencial para os artistas deste segmento cultural, com projetos inseridos no Edital 9 de Espaços Culturais.

Aguinaldo Ribeiro assume liderança da Maioria no Congresso

O deputado federal Aguinaldo Ribeiro (Progressistas), assumiu nesta terça-feira (30) o posto de líder da Maioria no Congresso Nacional. O parlamentar já era líder da Maioria na Câmara Federal e agora passa a representar os referidos parlamentares nas duas Casas.

De acordo com o deputado paraibano, a liderança será um desafio, sobretudo em um momento delicado pelo qual o Brasil passa em decorrência da pandemia da covid-19, mas acima de tudo será uma oportunidade para buscar dias melhores para o país, para os brasileiros e paraibanos.

“Esse é mais um momento da nossa trajetória extremamente relevante pois nós vamos primeiro, fazer a interface das duas Casas representando a maioria na Câmara e no Senado, hoje mesmo eu já participei de uma coletiva ao lado do presidente do Senado Rodrigo Pacheco, também estive há pouco com o presidente da Câmara, Arthur Lira, e acho que vai ser importante porque nós vamos cuidar não só das questões relativas ao orçamento – hoje mesmo estamos vivendo um dilema com relação ao orçamento – mas também em relação aos vetos, às matérias como Medidas Provisórias que estão em tramitação nas duas Casas e são sempre muito importantes e nós vamos ter essa oportunidade de fazer a interlocução com as duas Casas, senadores e deputados federais” pontuou.

Aguinaldo disse ainda que a experiência vivida por ele enquanto relator da Reforma Tributária na Comissão Mista também tem grande importância no sentido de ter proporcionado um estreitamento e boa relação não só com deputados, mas também com senadores, fazendo com que ele tenha um bom trânsito com as lideranças de ambas as Casas.

“Eu já tive um pouco essa experiência na própria comissão mista da reforma Tributária, em que sou relator, é lógico que a gente pegou um momento de dificuldade com a pandemia, mas eu acho que é mais um desafio em que nós vamos ter em ajudar o nosso país e o nossa Paraíba, acho que mais uma vez ganha o nosso estado pois nós vamos ter aí uma representação como eu disse, fazendo convergir as demandas relativas às duas Casas” argumentou.

Vale ressaltar que o deputado Aguinaldo Ribeiro possui atuação importante no que diz respeito a temas debatidos tanto na Câmara quanto no Senado e que tiveram grande impacto para o desenvolvimento do país e para o bem estar da população, a exemplo da PEC do Orçamento de Guerra, Reforma da Previdência, Pacote anticrime, saneamento básico, Lei do Gás, na relatoria da reforma Tributária, na luta pelo auxílio emergencial de R$ 600, autonomia do Banco Central entre outras medidas importantes para o país.

Por fim, o deputado disse que o seu desejo é que a sua atuação na liderança da Maioria do Congresso Nacional seja uma oportunidade para auxiliar o pais a vencer o momento delicado pelo qual está passando.

“Essa é uma oportunidade muito boa para que a gente possa sem dúvida nenhuma carrear mais recursos sobretudo para a Paraíba, levar mais investimentos para o estado e neste momento de pandemia, que a gente possa ajudar nestas questões pontuais que são fundamentais pra gente vencer esse momento que o nosso país está vivendo. Vou seguir trabalhando em busca de dias melhores para os paraibanos e brasileiros” concluiu.

MEIO MILHÃO EM IPHONES: Até quando o presidente da Câmara de JP vai insistir no erro?

O presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, Dinho, está perdendo a oportunidade de recuar e consertar um erro que tem prejudicado a sua imagem e a do parlamento. Parece que Dinho ainda não entendeu que a sociedade está cansada de bancar mordomias para a classe política e não aceita mais que uma instituição pública compre iphones e planos de internet para vereadores que recebem R$ 15 mil de salário, sem contar a verba de gabinete.

Seguindo o comando do presidente da Casa, a assessoria de comunicação tem se esforçado – em vão – para tentar justificar o injustificável. Sem conseguir apresentar uma justificativa plausível (porque não há!) o  próprio presidente da Câmara disse que a regalia vinha desde a época do ex-presidente Durval Ferreira. Não importa a idade do erro, o que interessa é que a compra é desnecessária e não atende ao interesse público.

Em tempos de pandemia e crise econômica, não faz o menor sentido gastar quase meio milhão de reais para comprar iphones para vereadores. Até porque todos eles já possuíam aparelhos celulares antes de ingressarem no parlamento. Ou seja, é um gasto extremamente desnecessário.

Mas até quando Dinho vai insistir no erro? Pois, como presidente da Casa, ele é quem mais vai se queimar na sociedade, e não os demais. E por uma mordomia inaceitável, absurda. Dinho está perdendo uma grande oportunidade para acabar com esta e outras regalias que a sociedade não suporta mais pagar.

Acorda, Dinho!