Jornalista Hélder Moura é eleito novo membro da Academia Paraibana de Letras

O jornalista, escritor e professor universitário Hélder Moura foi eleito, nesta sexta-feira (10), novo integrante da Academia Paraibana de Letras (APL) ao vencer em segundo turno o advogado e escritor Cleanto Gomes por 17 a 14 votos.

Nascido em 1957, em Campina Grande (Paraíba), Hélder Moura ingressou no jornalismo em 1983 na Gazeta do Sertão, onde se tornou editor-chefe, atuando sempre no colunismo político. Venceu alguns prêmios de poesia e, em 1985, lançou o livro Coração de Cedro. Já em João Pessoa, se tornou colunista do jornal Correio da Paraíba, desde 1992 e, em seguida, apresentador da TV Correio (Rede Record), onde ganhou vários prêmios de Imprensa. É também professor universitário do Instituto Federal da Paraíba, onde leciona sobre algoritmos e lógica. Atualmente, edita blog no Jornal da Paraíba (Rede Globo), sobre política e também sobre viagens, humor e literatura.

Efraim afirma que recursos para continuidade da Operação Carro Pipa estão assegurados

O coordenador da bancada federal da Paraíba, deputado Efraim Filho, esteve em audiência com o Ministro do Desenvolvimento Regional (MDR), Rogério Marinho, e recebeu a confirmação de que os recursos necessários para a continuidade da Operação Carro Pipa estão assegurados para o mês de setembro.

Em ofício enviado ao comando do Exército Brasileiro, responsável pela operação em toda a região nordeste, o MDR garantiu cerca de 50 milhões de reais para evitar que acontecesse a paralisação antes anunciada para o mês de setembro. “Essa decisão mostra a sensibilidade com a crítica situação de seca que temos na região, especialmente em nossa querida Paraíba. As chuvas vieram aquém do esperado, os reservatório estão sofrendo com baixa capacidade e o abastecimento de água via Carros Pipa tem sido a alternativa encontrada para atender as cidades e milhares de famílias que precisam do programa para que chegue água em suas casas”, afirma Efraim.

Por fim, o deputado afirmou que, apesar dos recursos para o mês de setembro estarem assegurados, não irão descansar. “O ministro Rogério Marinho, que é nordestino, sabe da importância de buscar os recursos necessários para os meses seguintes, já que não há tendência de arrefecimento da seca. E pode contar com a bancada paraibana para ajudar no que for preciso”, completa.

Aguinaldo reage a ataques e fakenews: “A verdadeira agenda do Brasil é combater a fome e o desemprego”

O deputado federal Aguinaldo Ribeiro voltou a defender nesta sexta-feira (10) a pacificação do Brasil como caminho correto para que o país retome o crescimento econômico, gere empregos, combata a pobreza e a fome. O país, diz o parlamentar, precisa estabelecer um nível mínimo de união para crescer. “Esta é a verdadeira pauta do Brasil real. O resto são bandeiras ideológicas e proselitismo. A pacificação é urgente”, afirma.

“Foi o que defendi em artigo que publiquei na Folha de S. Paulo, mas meus adversários distorcem minhas palavras e distribuem fakenews, dizendo que tratei os manifestantes do 7 de Setembro como facções criminosas. Isso é mentira. Tratei como como grupos, como correntes e segmentos partidários, este é o verdadeiro significado do termo”, explica.

No artigo, acrescenta Aguinaldo, está dito muito claramente: “Vivemos um tempo de incertezas, num clima permanente de divergência e radicalização, com as famílias impregnadas de desconfiança, de mágoas e rancores, imersas nesse ambiente propício ao desalento, campo fértil à desesperança”. E salienta: “Isso afugenta investidores, faz com que desperdicemos oportunidades, tira-nos o foco dos imensos desafios que temos. E os efeitos são dramáticos sobre a qualidade de vida da população, ainda mais precária e menos próspera”.

Nilvan Ferreira cospe no prato que comeu e critica seu ex-padrinho político

Nilvan Ferreira – o bolsonarista de ocasião – partiu pra cima do deputado federal Julian Lemos, nesta sexta, 10, nas redes sociais. Na postagem, Nilvan criticou uma matéria em que Julian disse que pode caminhar com o governador João Azevedo em 2022, e escreveu: “Esse aí tá aproveitando os últimos meses como deputado federal”.

A atitude de Nilvan causou espanto no meio político, pois foi Julian Lemos quem lançou o comunicador na política. Em resposta, o deputado federal comentou na mesma postagem: “Esse aí não Nilvan, Julian Lemos, o mesmo que você vivia atrás, na minha casa, com meus assessores, o mesmo que tu se quebrou na palavra, e tu sabe disso, seja ao menos ético, grato e menos sem escrúpulos, você sabe quem sou, sabe o que fiz, faça seu trabalho, mostre resultados como eu tenho feito, vá para uma campanha se atacar quem tanto lhe serviu, não sou alguém que queira desmoralizar, forte abraço meu ex candidato a prefeito pelo PSL, escrúpulos não é para todos, mas fui avisado”.

Que coisa feia, Nilvan!

7 DE SETEMBRO: gado patriota queria um golpe, mas levou um contragolpe

Os fanáticos foram às ruas no 7 de setembro na esperança de viver numa ditadura, mas o tão almejado golpe virou um contragolpe humilhante. Além de frouxo, Bolsonaro é um traidor, e decepcionou sua horda imbecil e bestializada.

O capitão é uma piada. Um cachorro vira-lata sem dentes, que só late, mas não morde. Tão frouxo que engoliu a seco uma nota escrita pelo ex-presidente Temer e o centrão.

Coitado dos bolsominions. Estão com a garganta roída de tanto engoliar quadrado.