pmjp2

Agindo feito um moleque irresponsável, Berg Lima tinha contratado 2 mil servidores de forma irregular

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

A cidade de Bayeux continua sendo vítima da irresponsabilidade do prefeito-presidiário Berg Lima. Nesta semana, o prefeito interino, Luiz Antônio, se viu obrigado a demitir os 2 mil prestadores de serviço que seu antecessor tinha contratado irregularmente e a toque de caixa, sem o mínimo critério ou controle.

Juntamente com o Tribunal de Contas do Estado, o prefeito interino descobriu que os contratos fechados por Berg Lima não estavam assinados, ou seja, os contratos eram nulos e sem valor jurídico.

Agindo feito um moleque irresponsável, Berg acreditava que o cofre da prefeitura era infinito e Bayeux estava imune aos órgãos de controle da gestão, a exemplo do Tribunal de Contas e Ministério Público.

O descontrole era tão grande que tinha vereador com 100 cargos na gestão, enquanto Berg tinha cedido apenas 50. Sem contar a família do cunhado de Berg, Luis Carlos Targino, lotada na prefeitura, fato que foi denunciado nas redes sociais:

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
Câmara de gás da PRF de Bolsonaro e a banalização da morte em dias sombrios

Câmara de gás da PRF de Bolsonaro e a banalização da morte em dias sombrios

É conhecida a frase de Pedro Aleixo, então vice-presidente, quando Costa e Silva decidiu baixar o AI-5, no dia 13 de…
Criação de vara criminal para julgamento de organizações criminosas deve agilizar condenação dos membros da Orcrim Girassol

Criação de vara criminal para julgamento de organizações criminosas deve agilizar condenação dos membros da Orcrim Girassol

A famosa Orcrim Girassol – desbaratada no âmbito da Operação Calvário e acusada pelo Ministério Público de desviar quase meio…
Paraibana usa a guerra na Ucrânia como trampolim político e quer disputar o Senado

Paraibana usa a guerra na Ucrânia como trampolim político e quer disputar o Senado

Confesso que já vi de tudo na política quando o assunto é candidatura. Tem palhaço, ex-BBB, dona de cabaré, ladrão,…
Isolado no MDB, Veneziano só vai ficar com a sede da Beira Rio

Isolado no MDB, Veneziano só vai ficar com a sede da Beira Rio

O senador Veneziano Vital, pré-candidato ao governo, vive um momento sui generis no comando do MDB. O partido foi esvaziado…

Siga-nos Facebook

pmjp2