Após constranger Cássio ao declarar apoio a Maranhão, Renato Martins pede demissão do gabinete

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

O ex-vereador de JP e agora ex-assessor do senador Cássio, Renato Martins, “pediu” demissão do gabinete do tucano depois de constrangê-lo publicamente ao declarar apoio à pré-candidatura de José Maranhão.

Segundo informações de bastidores, Renato surpreendeu a todos do gabinete ao declarar apoio a Maranhão, inclusive Cássio.

Em menos de dois anos Renato Martins abandonou o ricardismo, virou cassista e agora Maranhista. Já pode pedir música no Fantástico!

Através de uma nota, Renato “pediu” demissão e agradeceu a oportunidade.

Prezado amigo e senador Cássio Cunha Lima

Compreendendo a dissonância de minha decisão e do grupo ao qual pertenço quanto à pré-candidatura majoritária ao governo do Estado, entendo conveniente pedir o desligamento da minha honrosa assessoria junto ao profícuo mandato do senador Cássio Cunha Lima, ressaltando o engrandecimento pessoal e profissional que tive no acompanhamento de tantos processos legislativos relevante ao Brasil e à Paraíba.

Agradeço a convivência com todos os colegas e reafirmo o voto com convicção certo de ser este um mandato proativo que enobrece a Paraíba e precisa ter continuidade.

Abraço forte no amigo Cássio,
Grato demais.

Renato Martins Leitão

 

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
STJ nega pedido de Coriolano para trabalhar vendendo “batatas” e “gado”

STJ nega pedido de Coriolano para trabalhar vendendo “batatas” e “gado”

A ministra Laurita Vaz, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou habeas corpus impetrado pela defesa de Coriolano Coutinho para…
CADÊ O DINHEIRO? Gestão de Marcelo Monteiro já arrecadou quase R$ 300 milhões, mas Lucena continua abandonada

CADÊ O DINHEIRO? Gestão de Marcelo Monteiro já arrecadou quase R$ 300 milhões, mas Lucena continua abandonada

Prestes a completar 8 anos de mandato, o prefeito de Lucena, Marcelo Monteiro, não pode reclamar de falta de dinheiro.…
EM PEDRAS DE FOGO: Juíza Higyna Josita bota moral na casa e proíbe candidato que não cumpriu acordo de fazer campanha por 3 dias

EM PEDRAS DE FOGO: Juíza Higyna Josita bota moral na casa e proíbe candidato que não cumpriu acordo de fazer campanha por 3 dias

Acostumado a passar por cima da Justiça Eleitoral, o grupo do prefeito Dedé Romão, que tem como candidato o seu…

Siga-nos Facebook