Santa Rita

Após retorno do prefeito ex-presidiário, lixo toma conta das ruas de Bayeux

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

O poder judiciário precisa agir rapidamente e expurgar o prefeito ex-presidiário Berg Lima da prefeitura de Bayeux. Além da imoralidade em manter um sujeito que foi preso em flagrante ao receber propina de um fornecedor, a incompetência de Berg tem piorado a situação da cidade, que já não era boa.

O lixo se espalha pela cidade, e a população que praticamente não tem sistema público de saúde, fica mais exposta à doenças e insetos.

Bayeux está entregue às baratas, literalmente, e o judiciário precisar agir para, no mínimo, moralizar a administração pública, pois a cidade não aceita ser administrada por um ladrão que passou quase seis meses na cadeia.

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
"A corrupção não é algo brasileiro, mas a impunidade é uma coisa muita nossa", diz Nilvan Ferreira sobre decisão do STJ a favor do ex-presidiário Ricardo Coutinho

"A corrupção não é algo brasileiro, mas a impunidade é uma coisa muita nossa", diz Nilvan Ferreira sobre decisão do STJ a favor do ex-presidiário Ricardo Coutinho

Pré-candidato a prefeito de João Pessoa, o comunicador Nilvan Ferreira comentou a decisão do STJ que manteve o ex-presidiário Ricardo…
Livânia Farias nega pressão do Gaeco por delação premiada

Livânia Farias nega pressão do Gaeco por delação premiada

A ex-secretária de Administração do Estado, Livânia Farias, divulgou carta nesta terça-feira (18), na qual nega pressão do Ministério Público…
STJ mantém o Sérgio Cabral da Paraíba em liberdade

STJ mantém o Sérgio Cabral da Paraíba em liberdade

Por 4 votos a 1, a Sexta Turma do STJ manteve a liminar concedida em dezembro por Napoleão Nunes Maia…
STJ começa a julgar pedido para prender Ricardo Coutinho novamente

STJ começa a julgar pedido para prender Ricardo Coutinho novamente

A Sexta Turma do STJ iniciou o julgamento de um recurso da PGR para derrubar a decisão do ministro Napoleão…

Siga-nos Facebook

Campina