ATENÇÃO MINISTÉRIO PÚBLICO: Prefeito ex-presidiário de Bayeux faz contrato sem licitação no valor de quase R$ 2 milhões para o lixo

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

O Tribunal de Contas do Estado e o Ministério Público precisam agir imediatamente e investigar o contrato “emergencial” sem licitação realizado pelo prefeito ex-presidiário Berg Lima. Se o prefeito manter seu modus operandi e cobrar uma propina de 20%, como fez quando foi preso em flagrante com dinheiro na cueca, Berg estará metendo a mão em quase R$ 400 mil.

Nos bastidores comenta-se que Berg Lima deixou o lixo tomar conta de Bayeux para ter um álibi que justificasse a contratação emergencial sem licitação.

“Berg transformou Bayeux num grande lixão à céu aberto. Além do lixo comum, seus atos são um lixo de imoralidade e ilegalidade com o povo de nossa querida Bayeux. Haveremos de nos libertar desse pesadelo!”, disse o empresário Léo Micena.

A permanência de Berg Lima na prefeitura fere o princípio constitucional da moralidade na administração pública. É uma dessas aberrações jurídicas que só acontecem nas cidades pequenas do Brasil.

Até quando a raposa vai continuar cuidando do galinheiro?

Com a palavra o Tribunal de Justiça da Paraíba.

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
Pré-candidato a prefeito de João Pessoa, Julian Lemos contrata o marqueteiro mais experiente da PB

Pré-candidato a prefeito de João Pessoa, Julian Lemos contrata o marqueteiro mais experiente da PB

Zé Maria, da Mix Comunicação, será o marqueteiro de Julian Lemos na disputa pela prefeitura de João Pessoa. Zé é…
VÍDEO: Mais nova aliada de Berg Lima, Luciene de Fofinho não desmente que será a candidata da bancada do ex-presidiário

VÍDEO: Mais nova aliada de Berg Lima, Luciene de Fofinho não desmente que será a candidata da bancada do ex-presidiário

A vereadora Luciene de Fofinho gravou um vídeo para ‘desmentir’ a informação veiculada na imprensa de que ela teria se…
Juiz afirma que Bayeux não deve ter eleição indireta e Jefferson Kita deve continuar na prefeitura até o fim do ano

Juiz afirma que Bayeux não deve ter eleição indireta e Jefferson Kita deve continuar na prefeitura até o fim do ano

O juiz eleitoral de Bayeux, Euller Jansen, afirmou que a renúncia de Berg Lima ao cargo de prefeito daquela cidade,…
Luciene de Fofinho se alia a Berg Lima e será a candidata do ex-presidiário na eleição indireta realizada pela Câmara

Luciene de Fofinho se alia a Berg Lima e será a candidata do ex-presidiário na eleição indireta realizada pela Câmara

Ex-adversária de Berg Lima, a vereadora Luciene de Fofinho fechou um acordo para ser a candidata de Berg Lima na…

Siga-nos Facebook