ELEIÇÃO 2018: Berg Lima quer eleger o cunhado deputado estadual

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

Um auxiliar próximo ao prefeito Berg Lima me informou que ele já teria escolhido seu candidato a deputado estadual. Seria Luis Carlos, cunhado, braço direito e atual chefe de gabinete. De acordo com a fonte, Berg tem um pé atrás com os demais pré-candidatos do grupo e vai seguir a cartilha da velha política e tentar eleger um parente.

Berg acredita que consegue transferir seus 9 mil votos obtidos em 2014 para deputado estadual, e com o poder da máquina eleger o cunhado numa coligação de partidos nanicos.

A notícia não deve agradar o deputado estadual Janduhy Carneiro, que espera reciprocidade do prefeito e do diretório municipal.

E não seria a primeira eleição do cunhado. Luis Carlos já foi candidato a vereador conquistando 225 votos.

Com quase 70 mil eleitores, Bayeux não conta com uma representação na Assembleia para defender os interesses do município e ajudar a gestão municipal.

Além de ser o homem de confiança de Berg, Luis Carlos é uma pessoa humilde, do bem e batalhador.

E como chefe de gabinete tem acumulado experiência e apoios importantes.

Certamento seria um bom parlamentar.

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas

Entre os 'paraíbas' e Bolsonaro, Julian Lemos ficou com o poder que não tem

Entre os 'paraíbas' e Bolsonaro, Julian Lemos ficou com o poder que não tem

Julian Lemos foi escorraçado e humilhado pelos filhos do presidente Bolsonaro, mas continua fiel. Porém, distante do núcleo duro do…
61,2% dos paraibanos reprovam governo de Bolsonaro; 50% avaliam como RUIM ou PÉSSIMO

61,2% dos paraibanos reprovam governo de Bolsonaro; 50% avaliam como RUIM ou PÉSSIMO

Pesquisa divulgada nesta segunda-feira, 22, pelo Instituto Opinião, mostra que a avaliação do governo de Jair Bolsonaro vai de mal…
Temer afirma que Bolsonaro é a sua continuidade

Temer afirma que Bolsonaro é a sua continuidade

Após ter chegado à presidência da República em 2016 por causa de um golpe contra a então presidente Dilma Rousseff,…