Bom de promessa e ruim de palavra, Ricardo chega ao último ano de governo sem dobrar o piso salarial dos professores

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

O governador Ricardo Coutinho é daqueles que prometem mundos e fundos para ganhar uma eleição, não importando se vai conseguir ou não cumprir com a palavra. Sempre pragmático, para Ricardo os fins justificam os meios.

E foi seguindo essa lógica que, em 2010, para subir nas pesquisas e vencer Maranhão, RC prometeu construir uma creche em cada cidade, 40 mil unidades habitacionais e a contratação de 5 mil policiais. Mas ao final do primeiro mandato o governador sequer chamou todos os aprovados no concurso de 2007.

Em julho de 2014, quando perdia feio para Cássio Cunha Lima nas pesquisas, Ricardo tirou mais uma promessa da cartola e disse que dobraria o piso salarial dos professores.

Assim como na eleição de 2010, Ricardo Coutinho mais uma vez estava tomado pelo desespero e prometeu aquilo que sabia que nunca seria cumprido. E agora, no último ano de governo, RC anuncia um reajuste de apenas 6,81% relativo ao novo piso nacional dos professores.

Mas dobrar o salário que é bom, nada!

É só mais uma das dezenas de promessas não cumpridas de Ricardo Coutinho.

 

Comentar com Facebook

Comentários

Últimas notícias

Opinião

Mais lidas

Notícias relacionadas

Julgamento da AIJE do Empreender virou uma disputa pra saber qual juiz vai agradar mais o ex-governador Ricardo Coutinho

Julgamento da AIJE do Empreender virou uma disputa pra saber qual juiz vai agradar mais o ex-governador Ricardo Coutinho

Definitivamente, a Justiça eleitoral da Paraíba não é para amadores. Quando se imaginava que o pedido de vista do juiz…
AIJE DO EMPREENDER: TRE vai seguir sua própria jurisprudência da semana passada ou vai confirmar que Tribunal virou quintal de Ricardo Coutinho?

AIJE DO EMPREENDER: TRE vai seguir sua própria jurisprudência da semana passada ou vai confirmar que Tribunal virou quintal de Ricardo Coutinho?

O ex-prefeito Expedito Pereira teve sua inelegibilidade mantida por 4×2 no mesmo dia que o TRE iniciou o julgamento da…
Refém da ORCRIM Girassol, João Poste Azevedo desmoraliza o Ministério Público da Paraíba

Refém da ORCRIM Girassol, João Poste Azevedo desmoraliza o Ministério Público da Paraíba

Dizem que a Operação Calvário só existe graças ao Ministério Público do Rio de Janeiro, que começou a investigar o…