pmjp2

Cássio confirma apoio aos agentes comunitários e de endemias: “derrubaremos os vetos”

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

No começo da noite desta quarta-feira (14), o senador Cássio Cunha Lima recebeu, na Vice-Presidência, cerca de 30 presidentes e diretores dos sindicatos dos agentes comunitários de saúde (ACS) e agentes comunitários de endemias (ACD) do estado da Paraíba.

Em nome dos colegas de todo o Brasil, esses trabalhadores vieram pedir a Cássio apoio para derrubar os vetos que a Presidência da República editou em relação ao projeto que dispõe sobre as atribuições, a jornada, as condições de trabalho, aos cursos de formação técnica e continuada e a indenização de transporte desses profissionais.

Os vetos deverão ser votados (derrubados ou mantidos) na próxima reunião conjunta do Congresso Nacional. Cássio confirmou que continua firme em defesa dos agentes: “Em função do importante trabalho que vocês desenvolvem na estrutura de saúde no país, repito que cada um de vocês têm em mim um aliado, que não é de agora e não é apenas para essa causa. A ação de vocês, que conhecem e cuidam de pessoas em situação precária e de vulnerabilidade social é justo, correto, meritório e necessário. Juntos, derrubaremos os vetos”  – garantiu o senador.

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
VÍDEO: Fabiano Gomes comemora exclusão do seu nome na Operação Calvário - "A verdade demora, mas chega!"

VÍDEO: Fabiano Gomes comemora exclusão do seu nome na Operação Calvário - "A verdade demora, mas chega!"

O gordinho mais famoso da imprensa paraibana fez um vídeo gospel para comemorar a desvinculação do seu processo penal na…
Em busca de tempo de TV, Cartaxo procura Julian Lemos

Em busca de tempo de TV, Cartaxo procura Julian Lemos

O blog foi informado que o prefeito Luciano Cartaxo procurou o deputado federal Julian Lemos (PSL) para tratar de assuntos…
VÍDEO: Rombo de R$ 11 milhões deixado por Berg Lima é maior que a ajuda que Bayeux vai receber do governo federal

VÍDEO: Rombo de R$ 11 milhões deixado por Berg Lima é maior que a ajuda que Bayeux vai receber do governo federal

O ex-presidiário Berg Lima deixou um rombo de R$ 11 milhões na prefeitura de Bayeux. A cidade vai receber pouco …

Siga-nos Facebook

pmjp 1