Com medo da CPI da Cruz Vermelha, Adriano Galdino suspende trabalhos na Assembleia Legislativa por 15 dias

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

Não é porque o deputado Adriano Galdino passou a rasteira em Ricardo Coutinho para se eleger presidente da Assembleia, no segundo biênio, que ele vai deixar de ser aliado de primeira hora. Galdino já está mostrando serviço e suspendeu por 15 dias os trabalhos da Casa, pois tem medo da CPI da Cruz Vermelha e quer deixar a poeira baixar.

O deputado usou um subterfugio para justificar tal medida, alegando que a ALPB não possui a acessibilidade necessária para garantir o acesso da deputada Cida Ramos, mesmo passando por uma imensa reforma no ano passado, e mais duas na gestão de Ricardo Marcelo.

O histórico de Adriano Galdino nos revela bem a sua verdadeira intenção. Na sua primeira gestão à frente da ALPB o deputado barrou todas as CPI’s da oposição. Juntamente com o governador Ricardo Coutinho, articulou CPI’s “chapa-branca” que nunca resultaram em nada, apenas para impedir inquéritos importantes, como a que investigaria as denúncias de corrupção no programa Empreender.

A estratégia é deixar a poeira baixar, principalmente após a declaração do deputado Walber Virgolino a favor da CPI para investigar o maior esquema de corrupção da história da Paraíba.

O deputado estadual Raniery paulino chegou a propor que a ALPB realizasse sessões em outro ambiente, mas não teve êxito.

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
Associação Nacional dos Conservadores vê Bolsonaro como inimigo da Lava Jato

Associação Nacional dos Conservadores vê Bolsonaro como inimigo da Lava Jato

A Associação Nacional dos Conservadores (Acons), que reúne quase 70 “movimentos sociais de direita e conservadores” do país, enxerga Jair…
João Azevedo aceita compor com Cartaxo se a candidata for Socorro Gadelha

João Azevedo aceita compor com Cartaxo se a candidata for Socorro Gadelha

Fontes informaram ao Polítika que o governador João Azevedo vetou os nomes de Diego Tavares e a concunhada de Cartaxo,…
Candidata de Berg Lima na eleição indireta, vereadora Luciene recebia Bolsa-Família quando o marido presidia a Câmara Municipal de Bayeux

Candidata de Berg Lima na eleição indireta, vereadora Luciene recebia Bolsa-Família quando o marido presidia a Câmara Municipal de Bayeux

Mais nova aliada de Berg Lima e candidata do ex-presidiário na eleição indireta, a vereadora Luciene tinha os filhos cadastrados…
Sérgio Cabral delata ministro Vital do Rêgo, que teria recebido mesada de R$ 100 mil

Sérgio Cabral delata ministro Vital do Rêgo, que teria recebido mesada de R$ 100 mil

A revista Crusoé informa que Sérgio Cabral delatou três ministros do TCU: Vital do Rêgo, Bruno Dantas e Raimundo Carreiro. “Eles…

Siga-nos Facebook