DENÚNCIA: Prefeitura de Lucena joga livros didáticos válidos até 2022 no lixão da cidade

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

A gestão do prefeito Marcelo Monteiro nunca teve muito compromisso com a educação, como revelou relatório recente do Tribunal de Contas. Mas agora está ficando pior e até livros didáticos do ensino fundamental estão sendo jogados no lixão da cidade. Moradores enviaram imagens ao blog denunciando o fato:

Relatório apresentado pelo Tribunal de Contas, em 2019, revela que o prefeito Marcelo Monteiro sempre tratou a Educação com descaso.

De acordo com os dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB, do Ministério da Educação, o ensino fundamental piorou nos 7 anos da gestão do prefeito Marcelo Monteiro. O município só atingiu a meta do IDEB nos anos de 2007, 2009 e 2011 – na gestão do ex-prefeito Bolão – destacado em verde na tabela a seguir que avaliou a 4° série / 5° ano:

Desde o início da gestão do atual prefeito, em 2013, até o último levantamento, em 2017, Lucena jamais atingiu a meta projetada.

O mesmo ocorre na 8° série / 9° ano, Lucena só atingiu a meta projetada do IDEB em 2007, 2009 e 2011. Desde então, de 2013 até até 2017, o índice vem caindo drasticamente:

O que é o IDEB

Ideb é o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, criado em 2007, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), formulado para medir a qualidade do aprendizado nacional e estabelecer metas para a melhoria do ensino.

O Ideb funciona como um indicador nacional que possibilita o monitoramento da qualidade da Educação pela população por meio de dados concretos, com o qual a sociedade pode se mobilizar em busca de melhorias. Para tanto, o Ideb é calculado a partir de dois componentes: a taxa de rendimento escolar (aprovação) e as médias de desempenho nos exames aplicados pelo Inep. Os índices de aprovação são obtidos a partir do Censo Escolar, realizado anualmente.

As médias de desempenho utilizadas são as da Prova Brasil, para escolas e municípios, e do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), para os estados e o País, realizados a cada dois anos. As metas estabelecidas pelo Ideb são diferenciadas para cada escola e rede de ensino, com o objetivo único de alcançar 6 pontos até 2022, média correspondente ao sistema educacional dos países desenvolvidos.

Prefeito ostentação de Lucena já gastou R$ 320 mil com aluguéis de carros de luxo; valor daria pra comprar 10 veículos populares

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
Prefeitura de Lucena entra no vermelho e desde abril gasta mais do que arrecada

Prefeitura de Lucena entra no vermelho e desde abril gasta mais do que arrecada

A gestão do prefeito Marcelo Monteiro vem gastando mais do que arrecada desde abril, e certamente o rombo ficará para…
Efraim Filho diz que alterações aprovadas no Congresso prometem mais agilidade ao setor portuário

Efraim Filho diz que alterações aprovadas no Congresso prometem mais agilidade ao setor portuário

“Editada em abril, a MP que modifica a Lei dos Portos assegura também medidas de proteção aos trabalhadores portuários”. A…
João Azevedo faz mudanças no secretariado

João Azevedo faz mudanças no secretariado

O Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (1º) traz novos atos de nomeação do governador João Azevêdo. Deixou o governo…
Populares vaiam prefeito de Pedras de Fogo - "Fora Dedé, vai para Itambé!"

Populares vaiam prefeito de Pedras de Fogo - "Fora Dedé, vai para Itambé!"

O prefeito de Pedras de Fogo, Dedé Romão, foi alvo de um protesto de moradores nesta sexta-feira, 31, quando chegava…

Siga-nos Facebook

pmjp2