Santa Rita

Juíza revisa decisão e torna sem efeito liminar para retirar matéria do Polítika sobre evolução patrimonial de Estela Bezerra, investigada na Operação Calvário

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

Antes de mais nada, quero destacar a atitude sensata da juíza Ana Amélia Andrade Alecrim Câmara, da 6ª Vara Cível da Capital, que revisou sua própria decisão e tornou sem efeito a liminar para retirar matéria do blog sobre a evolução patrimonial da deputada Estela Bezerra, investigada na Operação Calvário.

Ana Amélia cita uma decisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Um dos trechos do entendimento do ministro afirma que “a liberdade política pressupõe a livre manifestação do pensamento e a formulação de discurso persuasivo e o uso de argumentos críticos”.

Por se tratar de um pessoa pública, a deputada Estela Bezerra deveria entender que seu direito à privacidade não é absoluto e, quando conflitar com o direito de liberdade de expressão e pensamento, prevalecerá o último, ainda mais quando a informação for consubstanciada com dados oficiais e decisões do judiciário.

Se a deputada não concordar, sugiro que ela abandone a vida pública e tente a sorte na iniciativa privada.

A nota emitida na última quinta-feira, 21, pelos blogs de política, não representou simplesmente uma crítica ao judiciário – que nos últimos meses vem sendo utilizado como instrumento de mordaça por investigados em corrupção – mas a defesa intransigente da liberdade de expressão e imprensa, e contra o menor gesto de censura à atividade jornalística.

Venceu a união, o bom senso, a liberdade de imprensa e os direitos fundamentais garantidos na Constituição Federal.

Meus sinceros agradecimentos aos jornalistas que assinaram a nota: Heron Cid, Helder Moura, Thiago Moraes, Anderson Soares, Henrique Lima, Ecliton Monteiro, Dércio Alcântara e Marcone Ferreira.

Confira a sentença refeita:

  

Em nota, blogs de política do estado criticam a censura por parte de juízes de primeira instância

 

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
Em pronunciamento, Luciano Cartaxo mantém medidas restritivas, defende isolamento social e prorroga suspensão do transporte público por mais 15 dias

Em pronunciamento, Luciano Cartaxo mantém medidas restritivas, defende isolamento social e prorroga suspensão do transporte público por mais 15 dias

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, informou, nesta quinta-feira (02), que os estudos…
João Azevêdo anuncia ações econômicas e sociais com impacto de R$ 145,5 milhões durante pandemia do coronavírus

João Azevêdo anuncia ações econômicas e sociais com impacto de R$ 145,5 milhões durante pandemia do coronavírus

O governador João Azevêdo anunciou, nesta quinta-feira (2), uma série de medidas econômicas e sociais devido ao isolamento social provocado…
Bolsonaro à beira de um ataque de nervos

Bolsonaro à beira de um ataque de nervos

Todo mundo notou. Os gestos nervosos nas entrevistas coletivas, o tom de voz acima do normal nas saídas do Alvorada…
Renato Martins retorna à CMJP e apresenta projeto destinando recursos de multas às famílias carentes durante a quarentena

Renato Martins retorna à CMJP e apresenta projeto destinando recursos de multas às famílias carentes durante a quarentena

O vereador Renato Martins está de volta à Câmara Municipal de João Pessoa e já tem o que mostrar. O…

Siga-nos Facebook

pmjp 1