Campina

Levantamento revela que das 222 propostas da campanha de 2016, Berg Lima só cumpriu 3

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

O ex-presidiário Berg Lima não é apenas o prefeito mais corrupto de Bayeux, mas também o pior gestor da história. Levantamento realizado pelo Polítika em parceria com empresário Albeno Silva – que participou da elaboração do plano de governo – revela que das 222 propostas apresentadas na campanha, o corrupto só cumpriu 3.

Além de ter praticado um ‘estelionato eleitoral’, Berg Lima prometeu demais, revelando que jamais teve conhecimento sobre o orçamento de uma cidade que é refém do Fundo de Participação dos Municípios.

As três propostas que foram cumpridas são:

  1. Implantação do projeto “Participa Bayeux”; inclusão da sociedade na construção do orçamento municipal;
  2. Adquirir automóveis para guarda para realização de vigilância em todo território de Bayeux;
  3. Regulamentação da Guarda Municipal Ambiental.

Como são muitas promessas não cumpridas, vamos destacar as principais, mas o plano de governo registrado no TRE pode ser acessado neste link.

EDUCAÇÃO

  1. Revisar o Plano de cargos e carreira e remuneração – PCCR dos servidores da educação, em discussão com a categoria representativa;
  2. Implantação do Centro de Línguas, garantindo a população do município o acesso ao segundo idioma;
  3. Implementar Escola em Tempo Integral (ETI – Fundamental) adotando o padrão de 7 horas de ensino já que na cidade se resume em um projeto em andamento, com recursos exorbitantes e não executados;
  4. Equipar e ampliar as escolas com laboratórios de informática, robótica, ciências e biblioteca;
  5. Construção de 5 creches modelo, uma escola modelo em tempo integral e climatizar as principais escolas;
  6. Implantar o passe-Livre para estudantes da rede pública municipal;

SAÚDE

  1. Criação de um Centro Especializado de Odontologia – CEO com atendimento 24 horas;
  2. Reestruturação física da Policlínica Municipal Benjamin Maranhão;
  3. Construção de 10 novas Unidades de Saúde Básica da Família e criar o Centro de Imagens; com ressonância magnética, tomografia, mamografia e ultrassom;
  4. Criar uma central de logística e distribuição de medicamentos;
  5. Implementação de um Centro de Reabilitação Fisioterapêutico;
  6. Assegurar o transporte no deslocamento dos usuários acometidos com doenças crônicas e de tratamentos contínuos para outros municípios;
  7. Implementar o Centro de Referência de Saúde da Mulher com serviços especializados, ampliando e intensificando o atendimento a mulheres vítimas de violência, também em período de pré-natal, parto e pós-parto;
  8. Ampliar leitos e atendimentos da maternidade João Marscicano;
  9. Ampliar as Equipes de Saúde da Família com outros profissionais e Criação Atendimento Domiciliar Terapêutico (ADT);
  10. Implementar condições de trabalho no que diz respeito a insumos materiais: Permanentes e de Consumo, nas UBS, UPA, SAE, CEO, Maternidade e Serviço de Fisioterapia;
  11. Criar o Hospital-Dia;
  12. Implementar o Centro de Imagens;
  13. Ampliar a cobertura da rede de atendimento psicossocial, visando o tratamento à Saúde mental e dependência química, com foco na reinserção, em parcerias com entidades e associações civil e religiosa;
  14. Implementar o CAPS Infantil;
  15. Revisar o Plano de cargos e carreira e remuneração – PCCR dos servidores da saúde, em discussão com a categoria representativa;

ESPORTE E LAZER

  1. Reformar e ampliar os espaços para atividades esportivas, como campos, quadras e ginásios;
  2. Construir praças comunitárias e revitalizar as existentes;
  3. Revitalizar o Ginásio municipal para eventos poliesportivos;
  4. Criar o Centro de Referência para Juventude (CRJ), promovendo a interação entre jovens da cidade. As atividades oferecidas são baseadas em quatro pilares fundamentais – convivência, formação, informação e expressão.
  5. Implantar o Bolsa Atleta municipal e incentivar o esporte amador;

MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE

  1. Criação do Parque dos Manguezais e o Parque Municipal do Xem-Xem.
  2. Criação do projeto “ Manguezal: Estuário da Vida”, Atuar em parceria com a comunidade, associações de moradores e pescadores ministrar palestras nas escolas destacando temas relacionados ao meio ambiente que afetam diretamente a população;
  3. Implementação da coleta seletiva do lixo da cidade;
  4. Unidade de coletas de lixo eletrônico;
  5. Construção de uma unidade de reciclagem para comunidades de baixa renda em forma associativa e cooperativa;
  6. Dotar de infraenstrura o Parque Municipal do Xem-Xem, com possibilidade de lazer, guarda municipal ambiental, ecoturismo
  7. Criação em Bayeux o primeiro viveiro de mudas de arvores.
  8. Implementação de Energia solar de forma gradativa nos prédios públicos
  9. Arborização da cidade de forma gradativa, como forma de estabelecer uma melhor qualidade de vida aos habitantes.
  10. Implantar o programa Cidade Limpa; melhorando a coleta de lixo, valorizando os catadores e implantando a coleta seletiva de forma gradativa;
  11. Implantação do Centro de Zoonoses de Bayeux;

GESTÃO E FINANÇAS PÚBLICAS

  1. Criar o Banco da Gente, programa de microcrédito de incentivo e suporte ao empreendedorismo na cidade;
  2. Patrocinar com incentivos fiscais municipais o alojamento de endereços fiscais a micros empreendedores individuais e empreendedores online.
  3. Implantar o Programa comercial em parceria com a CDL, intitulada “Liquida Bayeux”;
  4. Implantar incubadora de empreendimento econômico e solidário, como forma de fortalecer os micros e pequenos negócios informais, urbanos, existentes no município do BAYEUX/PB;
  5. Desenvolver projeto de revitalização das feiras livres da cidade de BAYEUX para fortalecimento da economia local;
  6. Organizar os Catadores de materiais recicláveis em associação e/ou cooperativa para implantação da coleta seletiva;
  7. Reforma total do Mercado Público do bairro da Imaculada.
  8. Programa Novos Caminhos: com objetivo de realizar a pavimentação de 100 ruas

MOBILIDADE URBANA E ACESSIBILIDADE

  1. Atuar nos gargalos do trânsito de maneira a racionalizar caminhos, criando vais alternativas, padronizando as lombadas, minimizando os tempos de deslocamento e criando conforto para os usuários;
  2. Reivindicar junto aos órgãos competentes uma nova licitação para o transporte público e implantar a integração com o trem
  3. Garantir a acessibilidade com segurança e autonomia nos espaços, nos mobiliários e nos equipamentos urbanos;
  4. Realizar a reestruturação da sinalização do transito vertical e horizontal da cidade, para uma mobilidade mais correta e efetiva, garantindo uma melhor circulação e com isso evitar os riscos de congestionamento;
  5. Assegurar a ampliação e renovação da frota de ônibus em operação, visando melhorar a qualidade do atendimento, a garantia de acessibilidade aos portadores de necessidades especiais e a adequação da oferta de ônibus à demanda, em especial nos horários de pico para trabalhadores e estudantes;
  6. Melhorar as condições de conforto, infraestrutura e de informação aos usuários nos pontos de embarque e desembarque através da padronização;
  7. Implantar ciclo-faixas e ciclovias nas áreas centrais da cidade;
  8. Aprimorar e intensificar os serviços de manutenção e implantar sinalização viária horizontal, vertical e semafórica no município;
  9. Ordenar calçadas e margens de vias;
  10. Implementar o projeto “Bayeux Acessível”, esta iniciativa visa a revitalização de pavimentos e passeios, com a remoção de obstáculos e implantação de rampas de concreto, passagens de nível nas vias, implantação de piso tátil, faixas lisas para cadeirantes e correção de meio-fio.

HABITAÇÃO

  1. Construir 500 unidades habitacionais e reformar casas condenadas pela Defesa Civil
  2. Implantar projetos de reestruturação ou recuperação de casas que esteja oferecendo risco a família daquele imóvel ou daquela moradia;
  3. Disponibilizar assessoria técnica e jurídica para desenvolver projetos, acompanhar obras e desburocratizar processos para imóveis com dificuldades de regulamentação junto a prefeitura;
  4. Implementar política pública para a habitação visando garantir o direito à moradia, respeitando as prioridades e situações de emergência, com participação popular e transparência;

ORÇAMENTO PARTICIPATIVO

  1. Implantação do projeto “Participa Bayeux”; inclusão da sociedade na construção do orçamento municipal;
  2. Gerar transparência e distribuição mais justa de idéias, projetos e infra-estrutura;
  3. Aproximar a população da gestão;
  4. Garantir autonomia e poder de decisão a população, nas escolhas das obras prioritárias para a nossa cidade e para o nosso povo;
  5. Governar e administrar junto com a sociedade

SEGURANÇA PÚBLICA

  1. Estruturação e aparelhamento da Guarda Municipal e dos órgãos que auxiliam na segurança.
  2. Aparelhar e capacitar a Guarda Municipal de Bayeux com armamento para auxiliar na segurança Pública da Cidade;
  3. Adquirir automóveis para guarda para realização de vigilância em todo território de Bayeux;
  4. Aquisição de colete balísticos para guarda municipal
  5. Aquisição de armas não letais;
  6. Criação do Fundo Municipal de Segurança Pública;
  7. Regulamentação da Guarda Municipal Ambiental;
  8. Construção de uma Base Avançada da Guarda Municipal no Bairro do Mario Andreazza.
  9. Estruturação da Defesa Civil da cidade.
  10. Criação do Programa Bayeux Segura ;
  11. Implantação do número 153 (chamada de emergência para guarda) para guarda municipal.
  12. Criação no município do Projeto GAEL (Guardas na Atuação Escolar de Lideranças).
  13. Ampliar o monitoramento por câmeras nas principais vias e espaços públicos

 

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
Bolsonaro manda recado para Mandetta: "Médico não abandona paciente, mas o paciente troca de médico"

Bolsonaro manda recado para Mandetta: "Médico não abandona paciente, mas o paciente troca de médico"

Um dia depois de se reunir com o ministro Luiz Henrique Mandetta, Jair Bolsonaro voltou a alfinetar o titular da…
Conselho de Contabilidade disponibiliza canal para sanar dúvidas sobre auxílio financeiro do Governo Federal  

Conselho de Contabilidade disponibiliza canal para sanar dúvidas sobre auxílio financeiro do Governo Federal  

O Conselho Regional de Contabilidade da Paraíba (CRCPB) lançou, nesta quinta-feira (9) um canal de atendimento ao público para sanar…
Julian Lemos é relator do projeto de lei que suspende inclusão de devedor no SPC e Serasa durante a pandemia do coronavírus

Julian Lemos é relator do projeto de lei que suspende inclusão de devedor no SPC e Serasa durante a pandemia do coronavírus

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (9) proposta que suspende, por 90 dias, a inclusão de novos…
CNN intercepta diálogo de Onyx e Osmar Terra sobre saída de Henrique Mandetta

CNN intercepta diálogo de Onyx e Osmar Terra sobre saída de Henrique Mandetta

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, e o deputado federal Osmar Terra, conversaram na manhã desta quinta-feira sobre a substituição…

Siga-nos Facebook