PROPINODUTO GIRASSOL: Gervásio Maia terá coragem de demitir Coriolano Coutinho?

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

De acordo com a delação de Livânia Farias e a denúncia do Ministério Público, o irmão do ex-governador Ricardo Coutinho, o famigerado ‘Cori’, era um dos que recebiam a propina do esquema que envolvia a contratação de um escritório de advocacia para recuperar créditos tributários da PMJP na gestão de RC.

Coriolano atualmente exerce cargo de confiança no gabinete do deputado federal Gervásio Maia, PSB.

A delação possui farto conteúdo probatório, pois no ano de 2011, uma blitz apreendeu um carro do escritório Bernardo Vidal com R$ 80 mil em propina e uma lista de pagamento.

E Coriolano Coutinho figurava na lista:

image

A nomeação de ‘Cori’ foi um gesto de Gervásio Maia, que nos últimos anos se tornou muito íntimo do ex-governador Ricardo Coutinho.

Aconselho que Ricardo Coutinho jamais convide Gervásio – também conhecimento em Catolé como ‘Pé de Pano’ – para tomar sopa em sua casa…

Sob o comando de Ricardo Coutinho, PSB vira sinônimo de corrupção na Paraíba

 

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
TERÇA-FEIRA DE FOGO: 6ª Turma do STJ precisa prender o Sergio Cabral da PB

TERÇA-FEIRA DE FOGO: 6ª Turma do STJ precisa prender o Sergio Cabral da PB

Sim, não somos tão desenvolvido como o Rio de Janeiro, mas também temos o nosso Sérgio Cabral! Antes da ‘quarta-feira…
Socorro Gadelha e o 'DNA Ribeiro'

Socorro Gadelha e o 'DNA Ribeiro'

Recém filiada ao PV, mesmo partido do prefeito Luciano Cartaxo, a secretária de Habitação de JP, Socorro Gadelha, talvez seja…
Coordenador das operações que prenderam Berg Lima e Ricardo Coutinho faz um desabafo: "Neste país só quem não pode pagar, fica preso"

Coordenador das operações que prenderam Berg Lima e Ricardo Coutinho faz um desabafo: "Neste país só quem não pode pagar, fica preso"

O promotor Octávio Paulo Neto tem feito história à frente do GAECO, grupo do Ministério Público responsável por investigar e…
Dos 17 vereadores de Bayeux, apenas 5 sempre votaram pela cassação de Berg Lima

Dos 17 vereadores de Bayeux, apenas 5 sempre votaram pela cassação de Berg Lima

É verdade que a classe política de Bayeux caiu em descrédito, principalmente após a prisão do prefeito Berg Lima com…

Siga-nos Facebook