Datavox é o único instituto a acertar o resultado da eleição da OAB-PB

O instituto Datavox, dos campinenses Bruno Agra e Araújo, acertou em cheio o resultado da eleição da OAB. Outros dois institutos que divulgaram levantamentos erraram grosseiramente além da margem de erro, não se sabe ainda se por má-fé, já que algumas chapas internalizaram as piores práticas das eleições comum, num verdadeiro vale-tudo.

Considerando apenas os votos válidos, a pesquisa Datavox indicava a vitória de Paulo Maia com 50,5%, sendo reeleito com 48,34%, acertando assim dentro da margem de erro de 3%.

Além da Datavox, Campina Grande é sede de outro confiável instituto, o Opinião, de Joaquim Braga. Ambos realizam pesquisas para vários estados do Norte e Nordeste.

Em se tratando de pesquisa quantitativa, Campina Grande já é referência.

PESQUISA DATAVOX: Paulo Maia lidera com 51%; Carlos Fábio tem 18%

De acordo com a pesquisa realizada pela Datavox e encomendada pelo portal Paraíba Atual, Paulo Maia deverá ser reeleito presidente da OAB-PB com 51% dos votos, seguido por Carlos Fábio (18%) e Sheyner Asfora (7,8%)

O Instituto Datavox foi o primeiro a apontar a virada do governador eleito João Azevedo, ainda no mês de setembro, enquanto outros levantamentos indicavam Maranhão na liderança.

O Instituto Datavox entrevistou, por telefone, 400 advogados e advogadas em todo estado da Paraíba. A margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos.

Confira os números:

Perfil da Amostra


Especificações técnicas 


 

47,2% da população de João Pessoa é a favor do direito ao porte de armas, revela pesquisa Datavox

A pesquisa realizada pelo Instituto Datavox sobre a segurança pública em João Pessoa fez a seguinte pergunta aos entrevistados: Você é a favor ou contra o direito ao porte de armas para todo cidadão? 47,2% se posicionaram A FAVOR e 29,8% se declararam CONTRA o direito ao porte de armas.

18,4% responderam NEM A FAVOR, NEM CONTRA e 4,6% não sabem ou não souberam opinar.

A pesquisa foi realizada no dia 2 de março. Foram entrevistados mil moradores em 50 bairros de João Pessoa. O intervalo de confiança estimado é de 95,0%, a margem de erro máxima estimada é de 3,0% pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

INSEGURANÇA: 66,3% da população de João Pessoa já foi assaltada ou teve parente vítima de violência

Praticamente um terço da população de João Pessoa (66,3%) já foi vítima de assalto, furto ou violência. É o que revela a pesquisa de opinião realizada pelo Instituto Datavox que fez a seguinte pergunta ao pessoense: O senhor ou algum parente foi furtado, assaltado ou agredido alguma vez?

13,1% disseram que já foram vítimas da violência; 27,8% afirmaram que algum parente foi vítima; 25,4% responderam ambos e apenas 29,3% não sofreram nenhuma forma de violência urbana. 4,4% não sabem ou não souberam opinar.

A pesquisa foi realizada no dia 2 de março. Foram entrevistados mil moradores em 50 bairros de João Pessoa. O intervalo de confiança estimado é de 95,0%, a margem de erro máxima estimada é de 3,0% pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

VIOLÊNCIA: 68,7% da população de JP considera a segurança pública RUIM ou PÉSSIMA; revela pesquisa Datavox

A pesquisa de opinião realizada pelo Instituto Datavox fez a seguinte pergunta à população de João Pessoa: Como você avalia a segurança pública no estado da Paraíba? Para 38,3% dos entrevistados a segurança é PÉSSIMA; 30,4% consideram RUIM e 24,3% avaliam como REGULAR.

Apenas 4,5% consideram a segurança como BOA e 0,9% responderam ÓTIMO.

A soma de RUIM e PÉSSIMO totaliza 68,7%, praticamente um terço da população da Capital. Ou seja, de cada 10 moradores de João Pessoa, 7 não estão satisfeitos com a política de segurança pública do governador Ricardo Coutinho.

A pesquisa foi realizada no dia 2 de março. Foram entrevistados mil moradores em 50 bairros de João Pessoa. O intervalo de confiança estimado é de 95,0%, a margem de erro máxima estimada é de 3,0% pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

PESQUISA DATAVOX: Gestão de Luciano Cartaxo tem 70% de aprovação

De acordo com o levantamento realizado pelo Instituto Datavox na última sexta-feira (02), a gestão do prefeito Luciano Cartaxo conta com a aprovação de 70,1% da população de João Pessoa. Apenas 22,4% desaprovam a forma como o prefeito vem administrando a cidade. 7,5% não sabem ou não opinaram.

Para 7,4% dos entrevistados a gestão é ótima. E 32,6% consideram boa; totalizando 40% de ótimo e bom.

41,8% consideram a gestão de Luciano Cartaxo regular; 5,2% péssima e 3,4% não sabem ou não souberam opinar.

A pesquisa foi realizada um dia após a desistência do prefeito em concorrer ao Governo do Estado. Foram mil entrevistas em 50 bairros de João Pessoa. O intervalo de confiança estimado é de 95,0%, a margem de erro máxima estimada é de 3,0% pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.