pmjp 1

Justiça manda Gaeco investigar doação de terreno no governo de Ricardo Coutinho para empresário ligado a Sérgio Cabral

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp

A juíza Flávia da Costa Lins Cavalcante (1ª Vara da Fazenda Pública), determinou que o Gaeco e Ministério Público da Paraíba investiguem uma doação de terreno feita no governo Ricardo Coutinho,  por possível prática de crime de responsabilidade em doação de terreno para empresário do Rio de Janeiro ligado ao ex-governador Sergio Cabral.

A investigação, trata-se de ação anulatória de ato administrativo -desapropriação – de imóvel pertencente à empresa Itapoa onde empregava cerca de 300 funcionários diretos. Diz na decisão que o então Governador Ricardo Coutinho decretou de utilidade pública para fins de desapropriação a referida área para instalação de um projeto de energia Solar com a empresa Sollair, de propriedade do irmão de Sérgio Cortes então Secretário de Saúde de Sérgio Cabral, preso na operação lava jato.

Após 07 anos da desapropriação, nada foi instalado no mencionado imóvel que se encontra atualmente totalmente abandonado

A juíza determinou em audiência ocorrida no dia 27/11 a devolução do imóvel aos proprietários e ainda a remessa dos autos ao Promotor do Patrimônio Público, Adrio Nobre Leite, para apuração dos fatos relacionados a sua pasta e determinou a remessa do processo, onde existem muitas provas, ao Gaeco para apuração e providências na parte criminal.

ClickPB

Comentar com Facebook

Comentários

Notícias relacionadas
Em pronunciamento, Luciano Cartaxo mantém medidas restritivas, defende isolamento social e prorroga suspensão do transporte público por mais 15 dias

Em pronunciamento, Luciano Cartaxo mantém medidas restritivas, defende isolamento social e prorroga suspensão do transporte público por mais 15 dias

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, informou, nesta quinta-feira (02), que os estudos…
João Azevêdo anuncia ações econômicas e sociais com impacto de R$ 145,5 milhões durante pandemia do coronavírus

João Azevêdo anuncia ações econômicas e sociais com impacto de R$ 145,5 milhões durante pandemia do coronavírus

O governador João Azevêdo anunciou, nesta quinta-feira (2), uma série de medidas econômicas e sociais devido ao isolamento social provocado…
Bolsonaro à beira de um ataque de nervos

Bolsonaro à beira de um ataque de nervos

Todo mundo notou. Os gestos nervosos nas entrevistas coletivas, o tom de voz acima do normal nas saídas do Alvorada…
Renato Martins retorna à CMJP e apresenta projeto destinando recursos de multas às famílias carentes durante a quarentena

Renato Martins retorna à CMJP e apresenta projeto destinando recursos de multas às famílias carentes durante a quarentena

O vereador Renato Martins está de volta à Câmara Municipal de João Pessoa e já tem o que mostrar. O…

Siga-nos Facebook

Santa Rita