As opções de Cartaxo para 2020

O prefeito Luciano Cartaxo está terminando o segundo mandato com uma notícia boa e outra ruim. A boa é que a gestão continua bem avaliada, sempre acima da média. A ruim é que ainda não há um nome forte para a sucessão em 2020.

Ter uma gestão bem avaliada é meio caminho andado para eleger um sucessor. Tivemos um exemplo da força da avaliação positiva com a eleição de João Azevedo para o governo do Estado. Um neófito em eleições que acabou vencendo no 1° turno. É claro que teve aquela ‘forcinha’ substancial da propina da Cruz Vermelha e todo o mecanismo da ORCRIM girassol, como descobriu o Ministério Público. E também contou com os inúmeros erros e a desunião da oposição.

Mas a avaliação do governo de Ricardo Coutinho – mesmo que manipulada pela propaganda e o ‘calaboca’ da grande mídia – foi determinante pra a eleição de João. Na lógica do eleitor, se o governo é bom, não há motivos para mudar.

A mesma lógica se repetiria na eleição municipal.

O nome de Diego Tavares, empresário, secretário municipal e suplente da senadora Daniella Ribeiro, era tido como certo para a sucessão do prefeito Luciano Cartaxo, mas foi chamuscado pelos áudios envolvendo Adalberto Fulgêncio. E entrar numa eleição com teto de vidro não é nada bom.

Além disso, a baixa popularidade de Diego Tavares seria um risco. Principalmente numa campanha de apenas 50 dias.

Dentro do partido de Cartaxo, há ainda o ex-vereador e secretário de Transparência Pública, Bira Pereira. Bira tem a seu favor um recall (lembrança no eleitorado) adquirido nos dois mandatos de vereador, o que lhe garante uma popularidade razoável para largar bem numa campanha curta. Também conta a favor do ex-vereador uma boa retórica para enfrentar os debates.

O perfil de Bira é outro ponto positivo. Mais ao centro e com baixa rejeição, tem a mesma trajetória dos últimos prefeitos da Capital, que começaram a carreira política nos movimentos estudantis e sociais. Mas para chegar competitivo em 2020, Bira precisaria assumir uma secretaria com mais visibilidade e projeção na grande mídia.

Ao lado de Nonato Bandeira, Roseana Meira e Ronaldo Guerra, Bira foi determinante no apoio de Luciano Agra a Cartaxo, em 2012. Talvez seja o momento do prefeito retribuir o gesto e lealdade de Bira desde então.

Helton René é outra boa opção. Há quase oitos anos a frente do PROCON-JP, o vereador licenciado tem conquistado muito popularidade na defesa do consumidor, sempre ocupando espaços na grande mídia, o que lhe garante um bom recall para começar uma campanha.

Helton tem forte presença nas redes sociais – sendo o vereador com mais seguidores no Instagram – e uma boa aceitação no público evangélico e jovem de João Pessoa. Também possui uma boa retórica para defender a gestão nos debates.

Fora do partido, Luciano Cartaxo pode optar por aliados como o deputado federal Ruy Carneiro e o estadual Wallber Virgolino.

Ruy Carneiro, que já disputou a prefeitura em 2004, e foi vice de Cássio em 2014, tem um bom recall em João Pessoa e sempre desempenhou um mandato acima da média, principalmente como deputado federal.

Ruy reconquistou seu mandato na eleição de 2018, sendo o segundo mais votado de João Pessoa com 6,05%.

Em 2016, antes de aderir à reeleição de Cartaxo, Ruy aparecia nas pesquisas em 2° lugar, fato que confirma seu favoritismo entre os aliados do prefeito. Ruy também foi secretário do Estado e tem experiência suficiente na administração pública para passar segurança aos eleitores.

Com 30 mil votos só em João Pessoa, Wallber foi o deputado estadual mais votado e conquistou 8,13% do eleitorado. É uma votação muito expressiva que faz do delegado um candidato competitivo para a sucessão municipal.

Virgolino tem se destacado muito nos embates contra o ex-governador Ricardo Coutinho e na defesa da Operação Calvário. Entretanto, bandeiras conservadoras do bolsonarismo podem prejudicá-lo numa disputa majoritária. Ainda mais agora com o fiasco e as inúmeras crises do governo Bolsonaro.

A atuação de Wallber nas redes sociais é impressionante e muitos seguidores já defendem seu nome para disputar a prefeitura. O deputado revelou ao blog que é candidato de qualquer jeito, com ou sem apoios.

Wallber também tem experiência na administração pública, pois foi secretário de Administração Penitenciária na Paraíba e Rio Grande do Norte. E tem como ponto positivo a imagem associado ao combate à corrupção.

Diante das opções, Cartaxo tem bons nomes para construir um sucessor, mas precisa agir desde já. Virar o ano sem ter um pré-candidato será um risco enorme e pode comprometer a sucessão.

Mais uma vez a sorte estará ao lado de Luciano Cartaxo, já que o ex-governador Ricardo Coutinho deverá chegar em 2020 com a ficha suja, seja pela Aije do Empreender, que tramita no TRE, ou pelas outras duas que aguardam julgamento no TSE. E ainda tem a Operação Calvário, que vai botar muito girassol na cadeia.

 

 

 

Secretário de João Azevedo expõe o medo de Ricardo Coutinho em perder o passaporte diplomático

Dizem que o sorriso de um palhaço muitas vezes esconde suas lamentações. Mesmo quando arranca os melhores sorrisos da platéia, o artista por trás da fantasia disfarça, na verdade, suas angústias e frustrações.

Ao responder – em seu blog – em tom canastrão o pedido de retenção dos passaportes dos investigados pela Operação Calvário, formulado pelo deputado estadual Walber Virgolino, o secretário executivo de Comunicação do governo estadual, Tião Lucena, acabou por deixar escapar o receio que o ex-governador tem de perder o regalo do seu passaporte diplomático.

Tião é um dos poucos corajosos que ainda defendem Ricardo Coutinho com unhas e dentes.

Sejamos justos em elogiar a fidelidade de Tião Lucena ao Mago.

No ano passado o ex-senador Cássio Cunha Lima também ressaltou as qualidades de Tião: “Bajulador! Já me bajulou muito. Lambe ovo do governador. Já lambeu muito o meu”.

 

Deputados aprovam requerimento de Virgolino pela instalação de ponto eletrônico para jornalistas do comitê de imprensa

Os deputados estaduais aprovaram por unanimidade, na sessão de terça-feira (7), o requerimento de autoria do deputado estadual delegado Wallber Virgolino (Patriota), que pede a instalação de ponto eletrônico também para os funcionários da imprensa da Assembleia Legislativa.
Segundo o deputado Virgolino, o ponto eletrônico já existe para confirmar a presença dos parlamentares e demais trabalhadores da Casa Legislativa, mas a a imprensa que trabalha na Assembleia não tinha como aferir a presença.
“Sabendo que se trata de um direito da população, o de verificar o real trabalho de seus representantes, e da necessidade que estes possuem de seus auxiliares, também é importante que os jornalistas passem a confirmar suas presenças como funcionários da Casa de Epitácio Pessoa”, disse Wallber Virgolino.

OPERAÇÃO CALVÁRIO: Deputado confirma que Livânia Farias já delatou a ORCRIM girassol

Em contato com o Polítika, o deputado estadual Wallber Virgolino confirmou que a ex-secretária de Administração do estado e braço direito de Ricardo Coutinho, Livânia Farias, já delatou a ORCRIM girassol.

“Tomei conhecimento que Livânia Farias fez delação e falou tudo o que tinha de falar. Com certeza, Ministério Público e o Judiciário vão tomar as providências para prender quem realmente tiver que ser preso”, disse.

O parlamentar afirmou que obteve a confirmação da delação com advogados ligados ao processo.

Um fonte de Sousa, cidade de Livânia, informou ao blog que a expectativa dos familiares era de que a ex-secretária fosse solta antes da Semana Santa. O que torna ainda mais verossímil a informação de Wallber Virgulino, uma vez que a situação jurídica de Livânia é extremamente complicada e, sua liberdade, no momento, está condicionada a uma delação.

Wallber Virgolino critica governo do Estado por pagar quase meio milhão de reais para pintar uma simples passarela

Parece que está sobrando dinheiro na Paraíba. Aliás, parece não, sempre sobrou, pois a propina paga pela Cruz Vermelha saia dos cofres do Estado, mas precisamente da Saúde.

O deputado estadual Wallber Virgolino usou as redes sociais neste domingo, 14, para denunciar que o governo de João Poste Azevedo está pagando R$ 481 mil por um simples pintura de uma passarela:

“A Paraíba é o paraíso dos absurdos. Uma simples pintura de uma passarela localizada na BR-230 custou mais de 481 mil reais. É uma esculhambação atrás da outra. É o dinheiro publico indo pelo ralo”.

Wallber Virgolino pede afastamento de Gilberto Carneiro da Procuradoria Geral

Alvo das mais diversas denúncias, como falsificação de documentos, flagrante em áudios vazados em contexto de improbidade administrativa e perda do registro da Ordem dos Advogados do Brasil, o procurador do Estado, Gilberto Carneiro, está na “berlinda”.

Requerimento de autoria do deputado estadual Walber Virgolino (Patriota), apresentado na Assembleia Legislativa da Paraíba, requer ao governador do Estado, João Azevedo (PSB), o afastamento preventivo de Gilberto Carneiro dos quadros do executivo estadual.

Segundo o deputado, “é imprescindível que a Assembleia acolha a propositura, a fim de garantir a inviolabilidade de preceitos constitucionais, garantir a isenta instrução de ação que apura falsificações e fraudes supostamente cometidas por Gilberto Carneiro, além de preservar o cargo de Procurador Geral do Estado e do próprio governador, até a conclusão das investigações em andamento.

O requerimento aguarda para ser apreciado e votado na Casa de Epitácio Pessoa.

Confira o documento:

AL aprova projeto de Wallber Virgolino que isenta o ICMS para compra de medicamento que trata doença rara

O Projeto de Lei 08/2019, de autoria do Deputado Delegado Wallber Virgolino (Patriota), que trata sobre a isenção do ICMS para compra do medicamento que trata a Atrofia Muscular Espiral (AME) – uma doença rara que se caracteriza pela perda de neurônios motores na medula espinhal e tronco cerebral inferior – foi aprovado por unanimidade na sessão deste terça-feira (9) na Assembleia Legislativa. Esse PL segue agora para sanção do governador João Azevedo.
Segundo o autor do projeto, as famílias paraibanas que precisam do medicamento ‘Spinraza’ poderão comprá-lo com valor menor, a partir de agora.
“Em agosto de 2017, a Anvisa aprovou o registro do medicamento ‘Spinraza’, como o único remédio que pode salvar a vida das pessoas que são atingidas pela AME. Porém o valor de cada dose é altíssima e com a isenção do ICMS o valor cairá”, explicou Wallber Virgolino.

Deputado critica postura de João Poste Azevedo: “Quem manda nele é Ricardo Coutinho”

O deputado Walber Virgulino afirmou, em entrevista à Imprensa, nesta quarta (dia 20), que o governador João Azevedo é manobrado pelo ex Ricardo Coutinho. E se referiu muito especialmente ao caso dos auxiliares envolvidos em investigações pelo Gaeco (Ministério Público), no âmbito da Operação Calvário. Segundo o parlamentar, Azevedo está impedido de exonerá-los pelo ex-governador.

“João Azevedo é um homem de bem, mas, na qualidade de gestor do Executivo, já mostrou a que veio. Ele não tem autonomia para fazer nada. Quem manda nele é Ricardo Coutinho. Então ele não pode afastar ninguém, porque quem manda é Ricardo e isso é ruim pra ele, para o histórico de vida dele”, declarou o deputado do Patriotas.

E arrematou: “Ele tem que abrir os olhos para não passar de omisso à condição de conivente, cúmplice do maior escândalo que já ocorreu na Paraíba. Ele foi colocado lá para dirigir um projeto que não era dele, ele é o motorista desse projeto, ele não é o dono do carro. João vai terminar se dando mal.”

Helder Moura

ATAQUE À OPERAÇÃO CALVÁRIO: Virgolino confirma que bancada de oposição vai acionar MP contra discurso de RC em evento oficial

O deputado estadual Wallber Virgolino (Patriota), representando a bancada de oposição, vai entrar com uma representação junto ao Ministério Público do Estado, contra ex-governador Ricardo Coutinho, que durante evento oficial do Governo da Paraíba, na terça-feira (19), no Espaço Cultural, discursou para tendo obstacular a investigação da Operação Calvário.

“O Governador não tem mais nenhum vínculo com o Estado e usou um evento oficial para dizer que ‘ninguém solta a mão de ninguém´. Subliminarmente ele quis dizer que o governo tem que permanecer unido inclusive com as delações que por ventura venham. Isso é tentando passar segurança a ex-secretária Livânia Farias”, disse Virgolino.

Balanço de um mês na ALPB: Wallber Virgolino emplaca 34 matérias e três Frentes Parlamentares

Em um mês de atividade parlamentar, o deputado estadual Wallber Virgolino (Patriota), já apresentou 78 matérias, entre projetos de Lei, requerimentos, pedidos de sessões especiais e indicativos de Lei. Desse total, 39 foram aprovadas e três Frentes Parlamentares foram criadas: a do combate ao crime organizado, a em defesa da valorização do servidor público e a Frente Parlamentar em defesa do Agronegócio.

“A sociedade me colocou aqui para produzir. Antes de lutar pela corrupção, antes de defender a moralidade no funcionalismo público, minha função primordial é elaborar projetos de Lei, é efetivamente legislar. Graças a Deus tenho cumprido meu papel, tenho uma equipe forte, comprometida, e a sociedade que vem me munindo de informações e sugestões importantes para criação dos projetos”, disse Wallber.

O parlamentar ressaltou ainda que seu mandato é um mandato popular, um mandato do povo. “Espero que meus quatro primeiros anos sejam assim. O povo confiando em mim e no nosso trabalho. Espero sempre estar do lado da honestidade para que meus eleitores sintam orgulho do meu trabalho”, ressaltou.

Assessoria